Horse sense, procurando um cavalo para montar

Este é um livrinho dos anos 90, dos que mais gosto. Foi escrito por Al Ries e Jack Trout, dois gênios do marketing (também escreveram “As 22 Leis do Marketing” e “Marketing de Guerra”).

A ideia principal é que, além de ter habilidade, devemos também ter oportunidades, um cavalo a montar. Pode ser uma empresa, um sócio, um patrocínio, um cargo governamental. Ninguém consegue triunfar sozinho. Sempre precisamos de aliados.

Donald Trump teve diversos sucessos (e fracassos) em seus empreendimentos. O que ele pouco conta é que veio de família rica, e já no primeiro empreendimento, pegou um cheque de 50 milhões de dólares dos pais.

O melhor jóquei não é necessariamente o mais leve, esperto ou forte. Ele também precisa do melhor cavalo. É necessário aliar habilidade com oportunidades.

Quais as chances de sucesso, de diversos cavalos?

Os autores classificam em três grupos.

1) Estes têm menores chances.

Trabalho duro. 1 para 100
Inteligência. 1 para 75
Educação. 1 para 60
Empresa. 1 para 50

Trabalhar duro por trabalhar vai esgotar o seu tempo e sua força, sem necessariamente mudar alguma coisa de forma significativa. É necessário trabalhar de forma inteligente. Ganhar escala.

2) Chances médias

Criatividade. 1 para 25
Hobby. 1 para 20
Geografia (local onde está). 1 para 15
Visibilidade. 1 para 10

Trabalhos mais criativos e que possibilitem alguma visibilidade são melhores, mas tem outros mais interessantes ainda.

3) Maiores chances.
Produto. 1 para 5
Ideia. 1 para 4
Outra pessoa. 1 para 3
Parceria. 2 para 5
Esposa. 1 para 2
Família. 2 para 3

A seguir, Ries e Trout detalham alguns desses cavalos com mais chance de sucesso. Destaquei apenas dois, para exemplificar.

O cavalo empresa:

  • Seja early bird (que pega a onda de crescimento inicial da empresa)
  • Seja político. Ser um clone (ir de acordo com as normas sociais explícitas e implícitas), encontrar patrocinador e estar na lista do “fast track”.
  • Fazer exposição de trabalhos
  • Be a hero (estar junto a produtos bem-sucedidos e com visibilidade)

O cavalo da Ideia:

  • É algo pioneiro?
  • É corajoso?
  • É óbvio? (se for algo óbvio que poucos tenham feito, é bom)
  • É simples?
  • Está no momento certo?

Portanto, estude muito, trabalhe muito, pratique muito. E procure um bom cavalo para montar.

Infelizmente, o livro está esgotado. Para saber mais, somente procurando sobre comentários na internet.

Veja também:

Veja também, um podcast do Roberto Shiniashiki, falando sobre o Horse Sense.

https://podcasts.google.com/feed/aHR0cHM6Ly9hbmNob3IuZm0vcy9jNGEzZDFjL3BvZGNhc3QvcnNz/episode/MWRjZThiZjAtNmRlMS00YTQ1LTkzY2QtZjc4ZDdiNzI4Nzc4?ep=14

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s