Free Lunch

Free Lunch

O recurso é escasso e sempre vai ser. Sempre vai haver muito mais demanda do que oferta por produtos e serviços de qualidade. Se é de graça, ou é apenas uma amostra para chamar a sua atenção, ou é algo que você não pagar com dinheiro, vai pagar com TEMPO e PRODUÇÃO. Vai esperar em longas filas, para conseguir pouco produto. Além disso, não vai remunerar corretamente o talento que gera a oferta escassa, vai desestimular a concorrência saudável ou incentivar práticas ilegais das empresas para baixar o custo (trabalho sub remunerado, sonegação de impostos, jeitinhos contábeis).
É mais fácil e mais justo com todo mundo sempre tentar pagar um preço razoável pelo que você consome, nem demais nem de menos.

Idiota

burro

A frase mais importante que ouvi do Bastter foi: “Lembre-se de que você é um idiota”.

A ideia é lembrar de que você não é infalível, não é um gênio. Não é imortal. É sujeito a acertos e erros, altos e baixos, como qualquer outro ser humano.

Não se iluda com o sucesso, achando que vai durar para sempre. Com o seu trabalho, você pode aumentar as probabilidades de sucesso ou fracasso, mas é só. Quem manda, no final das contas, é a Vida, o mundo real, e isto é muito, muito maior do que qualquer ser humano.

Quatro

Fale quatro línguas, faça quatro coisas, e acredite nos seus sonhos.

Fonte: livro do Bastter, sobre opções.

Quatro é um número que parece bom para os dias de hoje. Não é fácil, mas também não é impossível. Quem sabe, no futuro, este número não cresça para cinco?

João de Barro

Segundo uma lenda indígena, o João de Barro era um homem apaixonado…

Imagine a cena: um homem apaixonado constróe uma confortável casinha, para uma amada que nunca aparece. Ao invés da amada, uma passarinho, a “Maria de Barro”, aparece para morar com ele. O rapaz se transforma em passarinho, e vive feliz para sempre com a sua amada.