Rosas atômicas

Há alguns dias atrás, o mundo se recordou das primeiras detonações das bombas atômicas da história da humanidade.

Nos dias 06 e 09/08 de 1945, foram lançadas bombas nas cidades japonesas de Hiroshima e Nagasaki, colocando um ponto final na Segunda Guerra Mundial.

Os cientistas do Projeto Manhattan (da construção das bombas), chegaram a dois modelos possíveis de bomba: uma de urânio e outra de plutônio. Como ninguém tinha certeza sobre se os modelos funcionariam, decidiram prosseguir com ambos. A bomba de urânio era fina e longa, por isso foi chamada de “Little Boy”. A de plutônio era gorda e volumosa, por isso foi chamada de “Fat Man”.

No dia 06/08, “Little Boy” foi lançada sobre Hiroshima, causando uma destruição nunca antes vista na história. No dia 09/08, enquanto o mundo ainda não tinha entendido direito o que estava acontecendo, a segunda bomba, “Fat Boy”, foi lançada sobre Nagasaki.

Qual a razão de duas bombas terem sido lançadas? Há muitas especulações. Se apenas uma bomba fosse lançada, talvez o Japão não tivesse se rendido. Talvez eles duvidassem da existência de poder americano suficiente para fazer mais de uma bomba dessas. Mas, com duas bombas, e ainda utilizando dois métodos diferentes, estava claro que não haveria nenhuma chance de isto ter sido apenas um fato isolado. Além disso, os EUA mostravam ao Japão, à Rússia e ao mundo que estariam num patamar tecnológico militar muitas vezes acima de qualquer outra nação do mundo.

 

As bombas mudaram a história da humanidade, traumatizaram algumas gerações mundiais e tiveram papel fundamental no equilíbrio de poder do mundo pós guerra.

Rosa de Hiroshima
Vinicius de Moraes

Pensem nas crianças
Mudas telepáticas
Pensem nas meninas
Cegas inexatas

Pensem nas mulheres
Rotas alteradas
Pensem nas feridas
Como rosas cálidas

Mas, oh, não se esqueçam
Da rosa da rosa
Da rosa de Hiroshima
A rosa hereditária
A rosa radioativa
Estúpida e inválida

A rosa com cirrose
A anti-rosa atômica
Sem cor sem perfume
Sem rosa, sem nada

Rosa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s