As 7 fontes de inovação

O grande Peter Drucker destacou 7 fontes de inovação.

Alguns exemplos práticos:

O inesperado. Para mim, era apenas mais um post, porém teve um que gerou muitos bons feedbacks. Analisando, o assunto tinha o foco bem específico para um nicho. Aprendi o poder do foco.

A incongruência. Numa fábrica, notei que o operador enviava metade da informação pelo sistema, e outra metade ele imprimia em papel e entregava em mãos. Ora, pedi para a equipe inserir um campo a mais no sistema, e a papelada nunca mais circulou.

Novo conhecimento. Há uns dois anos, a nossa TI propôs um programa de visualização de dados (como Tableau, Qlik, no caso Spotfire). Ajudei a abraçar e divulgar a ideia. O novo software pegou muito forte e virou padrão.

Portanto, fique atento ao inesperado, incongruências e outras fontes de inovação.

Peter Drucker sobre as fontes de inovação

O grande Peter Drucker pontua sete grandes fontes de inovação sistemática, em seu livro “Inovação e espírito empreendedor”.

1. O Inesperado – o sucesso inesperado, o fracasso inesperado, o evento externo inesperado

2. A Incongruência – entre a realidade como ela é de fato, e como se esperava que ela fosse

3. Necessidades do processo

4. Mudanças na estrutura do setor industrial

5. Mudanças demográficas

6. Mudanças em percepção, disposição e significado

7. Conhecimento novo, nova tecnologia

Um exemplo de inovação vindo do inesperado: tentando criar uma supercola, o pessoal da 3M criou o inverso, uma cola que descolava facilmente. Ao invés de jogar fora o experimento, como fariam quase todas as outras empresas, criaram o Post-It!

Para fechar, nada melhor do que a frase de Lois Pasteur: “O acaso favorece a mente preparada”.


Ideias técnicas com uma pitada de filosofia:

https://ideiasesquecidas.com/